Loading...
Sindalesc 30 anos

Exposição resgata história de lutas e conquistas do sindicato

Em dezembro deste ano o Sindalesc completa três décadas de lutas e conquistas! Para iniciar a celebração desta data marcante, o sindicato promoverá a abertura  da Exposição SINDALESC 30 anos. Com grande honra a entidade convida seus filiados e parceiros para prestigiar e participar do coquetel e cerimônia de abertura no próximo dia 9 de outubro, terça-feira, às 19h. Fotos antigas, contexto histórico e político, informativos, episódios marcantes e fatos importantes do Legislativo catarinense fazem parte do acervo.

Para resgatar um pouco da memória desses 30 anos, além da pesquisa em documentos oficiais, informativos, fotos e atas de reunião de mesa que citam o sindicato, garimpadas pela equipe da Coordenadoria de Documentação da ALESC, a entidade promoveu encontros com rodadas de entrevistas, em formato de mesa redonda, com alguns dirigentes, gestores, funcionários e ex-funcionários que viveram esses anos, de participação ativa em vários períodos.

Contar a história de uma entidade que preza pela gestão democrática, unindo pessoas de diferentes visões e posicionamentos é o maior desafio. As mesas de entrevistas foram agendadas por décadas. Questionado sobre a necessidade das lutas do sindicato em todos os períodos, um dos fundadores do sindicato e ex-presidente da ALESC, Onofre Agostini, foi enfático: “De graça, minha filha, nem injeção na testa!”.

Das contribuições para a sociedade, uma é ressaltada em particular:  “Uma conquista marcante do sindicato nos primeiros anos foi a abertura, a participação, especialmente nas Comissões Temáticas da Casa. Isso é importante as pessoas saberem que não foi nenhum partido político, foi a nossa luta do sindicato, botando o pé na porta. Se hoje as pessoas têm acesso, é porque lá atrás houve isso.”, lembra Regina Maura, ex-presidente do SINDALESC. Aproximando-se da conclusão dos trabalhos, o atual presidente Diego Vieira de Souza avalia: “É interessante perceber, ouvindo essas pessoas, como o tempo passa, mas os problemas e as lutas continuam muito semelhantes.”.

O resultado deste trabalho poderá ser conferido na exposição que permanecerá no hall da ALESC durante todo o mês de outubro. Além dos diretamente envolvidos, a exposição também tem como público as pessoas engajadas e simpatizantes das causas do sindicalismo.

Visite e confira!

Deixe seu comentário